Encceja 16 de Outubro de 2018

Resultados do Encceja 2018 referentes ao Ensino Médio serão divulgados a partir de 12 de novembro

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgará os resultados do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2018, referentes ao Ensino Médio, a partir de 12 de novembro. A data está dentro do cronograma anunciado pelo Inep, que adiantou a aplicação para agosto para divulgar os resultados no último trimestre, para permitir que os resultados possam ser usados para acesso à Educação Superior, por meio do Sisu e do Prouni, e ao financiamento estudantil, por meio do Fies. Já os resultados do Encceja relacionados do Ensino Fundamental serão divulgados a partir de 10 de dezembro, já que não estão atrelados a essas políticas educacionais.

O Encceja 2018 teve quatro aplicações: duas no Brasil e duas no exterior, sendo uma regular e outra para pessoas privadas de liberdade ou sujeitas a medidas socioeducativos, o chamado Encceja PPL. Os brasileiros que não tiveram a oportunidade de concluir seus estudos em idade apropriada fizeram as provas em 5 de agosto. Dos 1.695.607 inscritos, 789.484 (46,6%) compareceram. Já o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos para Pessoas Privadas de Liberdade e jovens sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade (Encceja Nacional PPL) foi aplicado em 18 e 19 de setembro. Foram 80.683 inscritos, sendo 71.115 do sistema prisional e 9.568 do sistema socioeducativo. Na mesma data, em nove estados, foi feita a reaplicação do Encceja Nacional Regular para 65 participantes afetados por questões logísticas na aplicação de 5 de agosto.

No exterior a aplicação foi em 16 de setembro na Bélgica (Bruxelas); Espanha (Barcelona e Madri); Estados Unidos (Boston, Nova Iorque e Miami); França (Paris); Guiana Francesa (Caiena); Holanda (Roterdã); Itália (Roma); Japão (Nagóia, Hamamatsu e Tóquio); Portugal (Lisboa); Reino Unido (Londres); Suíça (Genebra); e Suriname (Paramaribo). Ao todo 1.452 participantes se inscreveram para o Encceja Exterior. Já o Encceja Exterior PPL foi aplicado de 17 a 28 de setembro, para 29 inscritos em unidades prisionais da Guiana Francesa (Caiena), Japão (Tóquio) e Turquia (Istambul).

Certificação – Será certificado o participante que atingir o mínimo de 100 pontos em cada uma das áreas de conhecimento e atingir o mínimo de cinco pontos na prova de redação adicionalmente à nota mínima em Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes e Educação Física; no caso do Ensino Fundamental; e em Linguagens e Códigos e suas Tecnologias; no caso do Ensino Médio. Os participantes podem conseguir dois documentos por meio do Encceja. O Certificado de Conclusão é para o participante que conseguir a nota mínima exigida nas quatro provas objetivas e na redação. Já a Declaração Parcial de Proficiência é para o participante que conseguir a nota mínima exigida em uma das quatro provas, ou em mais de uma, mas não em todas.

O participante pode conseguir o certificado de conclusão em uma única edição ou ao conquistar as declarações de proficiência das quatro áreas de conhecimento, em edições diferentes do Encceja. O Inep elabora, aplica e corrige as provas, mas a certificação é competência das Secretarias Estaduais de Educação e dos Institutos Federais de Educação Ciência e Tecnologia que tiverem assinado termo de adesão ao Encceja com o Inep.