Enem 28 de Agosto de 2019

Inep amplia recursos acessíveis para pessoas privadas de liberdade

O edital do Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade e Jovens sob Medida Socioeducativa (Enem PPL) trouxe mais recursos de acessibilidade para os participantes que farão o exame em 2019. Nesta edição, os participantes privados de liberdade ou sob medida socioeducativa que necessitam de atendimento especializado poderão contar com recursos extras, como prova em braile, prova com letra ampliada, prova com letra superampliada, tempo adicional e/ou mobiliário acessível. As provas do Enem PPL serão aplicadas nos dias 10 e 11 de dezembro, conforme edital publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira, 28 de agosto.

Além do público com baixa visão, que já era atendido pelo Enem PPL, a partir deste ano, o exame também atenderá pessoas com cegueira, visão monocular, surdocegueira, dislexia, déficit de atenção, autismo, discalculia, deficiência física, deficiência auditiva, surdez e deficiência intelectual. O Enem PPL é aplicado em unidades prisionais e socioeducativas indicadas pelos respectivos órgãos responsáveis pela administração prisional e socioeducativa de cada estado. A adesão ao exame deve ser realizada exclusivamente pela internet, no Sistema Enem PPL, entre os dias 16 e 27 de setembro.

Cada unidade prisional ou socioeducativa terá um responsável pedagógico com acesso ao sistema de inscrição e às suas funcionalidades. Ele será responsável pela realização e pelo acompanhamento das inscrições; pela transferência de participantes entre as unidades, se for o caso; pela exclusão de participantes que tiverem sua liberdade decretada; e pela divulgação das informações a respeito do exame aos participantes. No ato das inscrições, o responsável pedagógico deve ter em mãos o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) de cada participante.

Enem PPL – As provas do Enem PPL acontecerão nos dias 10 e 11 de dezembro, constituídas de uma redação em língua portuguesa e de quatro provas objetivas. Cada prova objetiva terá 45 questões de múltipla escolha. No primeiro dia do exame, serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias e redação e ciências humanas e suas tecnologias. A aplicação terá cinco horas e 30 minutos de duração. No segundo dia do exame, serão aplicadas as provas de ciências da natureza e suas tecnologias e matemática e suas tecnologias. Nesse dia, a aplicação terá cinco horas de duração. A participação no exame é voluntária, gratuita e destinada a pessoas submetidas a penas privativas de liberdade e jovens sob medida socioeducativa.

Acesse aqui o sistema de adesão/inscrição

Confira edital do Enem PPL 2019

Saiba mais sobre o Enem PPL